Easy Google Tag Manager

Описание

O plugin Easy Google Tag Manager adiciona um campo à página Configurações gerais existentes para o ID e exibe o javascript no rodapé frontal.

Descrição

Você pode se inscrever para uma conta do Gerenciador de tags do Google aqui.

Este plugin torna ainda mais fácil usar o Gerenciador de Tags do Google, adicionando todo o código em si — tudo o que você precisa fazer é fornecer a identificação da conta!

Instalação

  1. Faça o upload da pasta easy-google-tag-manager para o diretório /wp-content/plugins/
  2. Ative o plugin através do menu ‘Plugins’ no WordPress
  3. Vá até Configurações > Geral e configure a ID da sua conta do Gerenciador de Tags do Google.

Perguntas Frequentes

Por que a exibição de saída não está funcionando?

Duas possibilidades: primeiro, você ainda não especificou o ID no painel de administração ou, em segundo lugar, o seu tema falta uma chamada de <?php wp_footer(); ?> no footer.php ou no rodapé acima do fechamento da Tag </body>.

Aviso de Atualização

1.0

Liberação pública inicial

Скриншоты

  • Vá até Configurações
  • Geral e configure a ID da sua conta do Gerenciador de Tags do Google.

Участники и разработчики

«Easy Google Tag Manager» — проект с открытым исходным кодом. В развитие плагина внесли свой вклад следующие участники:

Участники

Перевести «Easy Google Tag Manager» на ваш язык.

Заинтересованы в разработке?

Посмотрите код, проверьте SVN репозиторий, или подпишитесь на журнал разработки по RSS.

Журнал изменений

1.2.7

  • Testado na versão 5.1 do WordPress.

1.2.6

  • Fix pasta/diretório assets.

1.2.5

  • Fix Plugin Header

1.2.4

  • Adicionando Screenshots Fix

1.2.3

  • Adicionando Screenshots

1.2.2

  • Fix icones e capas

1.2.1

  • Atualizando Capas e Icones

1.0.1

  • Mude para o novo formato dividido para o javascript do Google Tag Manager e o formato iframe.
  • Adicione suporte para os temas Genesis e Theme Hook Alliance para fazer eco do iframe mais cedo na dom.
  • Alterar para métodos estáticos para evitar erros em algumas versões do php

1.0

  • Liberação pública inicial